Teoria da comunicação

                                 Indústria Cultural

Pelos os meus conceitos e conhecimentos adquiridos através de aulas e livros, a definição de industria cultural pode ser o conjunto dos meios de comunicação como a televisão, cinema, rádio, internet, jornais e revistas, formando um grande e poderoso sistema para gerar lucros  e por serem de fácil acesso às massas,exercendo um tipo de controle e manipulação social,ou seja,não só trazendo benefícios ao mercado cultural,como também perdendo a valorização pela demanda dos produtos.

           Passaram por uma hierarquização quanto à qualidade, no sentido de valorizar uma grande quantidade dos procedimentos da indústria cultural, e pouco se preocupando de forma exata com que aquilo quer passar,mas com um registro estatístico dos consumidores. Com a preferência da massa e criando o poder de “controle” sobre o homem, a indústria cultural cria condições que favorecem para a implantação do comércio. O valor da troca é mais favorecido do que ao  valor de uso ,sendo absorvido o prazer estético.

         Para a escola de Frankfurt a arte estava chegando ao fim, pois a sua valorização estaria perdendo espaço para a indústria cultural que não seria um projeto político e ideológico entre a sociedade, e sim uma nova técnica, que passaríamos a viver e /ou a conviver, sendo assim esta técnica seria a nova estrutura ideológica. Até a cultura também é afetada, se transformando em um movimento global de produção como mercadoria.

                   Filmes, programas radiofônicos, produtos culturais, revistas, e principalmente nos últimos tempos, a internet repassam a mesma racionalidade técnica, o mesmo esquema de organização e de planejamento administrativo que a fabricação de produtos eletrônicos quantificados ou os projetos de urbanismo.O cinema é um dos produtos  afetado pela industria cultural, deixando de ser arte para ser encaixada como uma mercadoria agradando a vários tipos públicos e estilos assim como também a música se torna uma arte integrada ao sistema querendo visando apenas reconhecimento deixando em segundo plano a originalidade. No mercado encontram-se diversas industrias que apresentam seus produtos separando-os de acordo com o que a de novo no mercado com o intuito de iludir o consumidor a cerca do que é o melhor de equipamentos, técnicas e trabalho influenciando no valor do produto. O que mais importa a sociedade cultural é a economia, os bens lucrativos que certos produtos lhe trarão tendo ao seu lado, como uma interface publicitária, os meios de comunicação.

Postado por: Paulo Lira

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s